domingo, 26 de julho de 2009

Comic-Con 2009: Painel do Homem de Ferro 2


A apresentação começou com Kevin Feige, o presidente de produção da Marvel Studios e produtor do filme, que começou chamando ao palco Jon Favreau. Sem perder tempo, o diretor agradeceu o público por tudo o que eles fizeram pelo primeiro filme e mostrou um vídeo do novo filme. Bom, na verdade, era um vídeo extremamente comercial, do tipo feito por departamentos de marketing, sem a menor criatividade, que no máximo serve para vender vassoura. Ao acender a luz, Tony Stark está no palco, brigando com Jon Favreau: "Que porcaria é essa? Você me mostrou coisa muito melhor do que isso enquanto filmávamos", disse. "Essas pessoas estão aqui para ver cenas do novo filme e você mostra isso? Mostre um vídeo decente!"

O tal vídeo só apareceu depois que as quase 7 mil pessoas presentes cantaram "Parabéns a Você" para Max, o filho de Jon Favreau, que completava 8 anos e estava ali na plateia vendo o papai trabalhar.

O clipe começa com Tony Stark, com a armadura do Homem de Ferro, mas sem o capacete, sentado no meio de um donut gigante comendo uma dessas rosquinhas, quando Nick Fury (Sam L. Jackson) chega e pede para ele descer dali. Sentados em um café, Stark diz que não vai se juntar à "super boy band" do Fury, que responde "Ah é, você gosta de fazer tudo sozinho". Quando Stark fala que não sabe se olha para o olho ou para o tapa-olho e que não tem certeza de que o Fury é real ou fruto da sua imaginação, recebe de volta "Eu sou real. A coisa mais real que você vai ver."

Em seguida, corta para Tony Stark já em um dos seus bem cortados ternos em uma audiência no senado. Depois de pedir ordem, o Senador Stern (Garry Shandling) pergunta quando Stark vai entregar a armadura do Homem de Ferro para o governo dos Estados Unidos. A resposta é "Não acho que possa ser considerado uma arma. Vejo mais como uma prótese de alta-tecnologia." Depois que o senador volta a bater na tecla que é uma arma e deve ficar na mão do governo, Tony Stark diz que não pode, pois ele é o Homem de Ferro, a armadura e ele são uma coisa só e que ele se entregar seria como prostituição. Entra em cena James Rodhes (Don Cheadle). Ao voltar a abrir a boca, Stark diz "de nada" ao senado, pois ele conseguiu trazer paz ao mundo. E sai de cena com os dedos levantados com o sinal da vitória.

Hora de mostrar o novo vilão, o Chicote Negro, que começa batendo martelo no ferro quente enquanto a locução em off faz um resumo de sua vida, que é de ódio contra os Stark, definidos pelo russo como ladrões e açogueiros. Corta para cenas de ação da Viúva Negra (Scarlett Johansson) e, finalmente, o Chicote Negro em ação usando uma bateria parecida com a do Homem de Ferro e balançando a arma que lhe vale o nome, enquanto Stark está caído, meio atordoado, vestindo sua roupa de corrida. Depois de algumas cenas de vôo entra o logo do novo filme e tudo fica preto. Fim?

Não! O mercador de armas Justin Hammer (Sam Rockwell) entra em um angar e vê em frente ao Rodhes algo de metal que ele pede para não ser o que ele imagina que seja. Em seguida, ele apresenta as armas mais modernas e potentes que estão no mercad. Rodhes diz que vai ficar... com todas elas! Em seguida a Máquina de Combate aparece em cena, disparando literalmente para todos os lados.

Fonte: Omelete

Nenhum comentário: